Ginecomastia

A ginecomastia é o desenvolvimento da região mamária masculina - unilateral ou bilateral -, e é causada pelo aumento da glândula mamária ou pelo desenvolvimento do tecido adiposo da região. A ginecomastia é mais comum em 3 fases da vida: Logo após o nascimento (hormônios da mãe ainda circulam no feto), na adolescência (por um desequilíbrio hormonal) ou ainda na andropausa (pela diminuição da testosterona) .

Na infância e na adolescência, é comum a regressão total após um tempo de espera. Inúmeras causas podem gerar a ginecomastia entre elas: genéticas , medicamentosas, uso de hormônios anabolizantes, alterações hormonais, uso de maconha, ou idiopáticas (sem causa determinada)

Antes de operar, é recomendado que o paciente passe em uma avaliação do endocrinologista e é prudente um período de espera, pois pode haver regressão espontânea.

Quando existe apenas o excesso de gordura, apenas a lipoaspiração é suficiente para resolver. Quando existe aumento da glândula, esta deve ser removida através de uma incisão ao redor da aréola. 

Se o aumento de volume for muito grande, pode ser necessário a remoção do excesso de pele, e neste caso, a cicatriz é um pouco maior.A anestesia é geral ou local com sedação, e a cirurgia leva em torno de 2 horas. A alta é preogramada para o mesmo dia. O uso do colete compressivo é recomendado por 4 semanas.

Agende sua consulta

Obrigado pela mensagem!

Se preferir, envie um WhatsApp

Agende sua consulta

Obrigado pela mensagem!

Se preferir, envie um WhatsApp

Agende sua consulta

Obrigado pela mensagem!

Se preferir, envie um WhatsApp